Campi Chapecó e Joinville encerraram as atividades da 6ª SNCT no IF-SC

Os campi Chapecó e Joinville promoveram na última semana atividades que encerraram a Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT) no Instituto Federal de Santa Catarina (IF-SC).

O Campus Chapecó recebeu entre 19 e 21 de outubro visitas de 470 alunos de terceira série do Ensino Médio. Todos  foram recepcionados com uma palestra proferida pelo diretor-geral do campus e encaminhados para visita acompanhados por servidores e alunos do IF-SC. “A semana foi muito proveitosa. Além de abrirmos o campus para a comunidade, divulgamos o IF-SC e o Ingresso 2010/1”, explica o diretor-geral do campus, Juarez Pontes. Foram realizadas também 29 palestras abertas aos alunos durante os três dias.

No Campus Joinville, as atividades ocorreram entre os dias 21 e 23, como oficinas abertas ao público, atrações culturais e apresentação de trabalhos desenvolvidos nos cursos, além de um debate realizado na Câmara de Vereadores da cidade sobre o tema “Ciência, Tecnologia e Sociedade”. Segundo a coordenadora acadêmica do campus, Dayane Clock, todas as atividades contaram com uma grande participação do público interno e externo. “Tivemos visitas de escolas municipais e estaduais, com mais de 300 alunos”, destaca.

Um dos diferenciais apresentados pelo Campus Joinville foi a mesa redonda realizada na Câmara Municipal. “Participaram vereadores, alunos dos períodos vespertino e noturno e professores do IF-SC e de outras universidades da região”, conta Dayane. As discussões abordaram questões sobre educação científica e tecnológica, o papel das instituições de ensino e a educação como ferramenta de transformação da sociedade.

As oficinas realizadas no campus também abordaram temas relacionados aos cursos oferecidos pelo IF-SC em Joinville. Aleitamento materno, gestão na área da saúde e eficiência energética estiveram entre os assuntos discutidos com o público. Entre os destaques culturais estiveram a exposição “As máquinas de Leonardo da Vinci” e apresentações de dança e música, como capoeira, dança de salão e dança de rua.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *