Visitantes provam biscoitos feitos no Campus Xanxerê

Nesta quarta-feira (17), terminam as atividades da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia do Campus Xanxerê. Desde segunda-feira (15), já foram realizadas palestras, oficinas e visitas de alunos dos colégios do município. Uma das atrações foi a oficina de elaboração de biscoito tipo cookie sem glúten a base de milho, arroz e mandioca.

Nesta atividade, os visitantes são convidados a provar alguns tipos de biscoitos feitos por alunos e professoras como parte de um projeto de pesquisa. Após a degustação, os participantes preenchem um questionário avaliando a amostra que provaram num processo chamado de análise sensorial. A intenção é observar o grau de aceitabilidade do produto. E a maioria dos que provaram acabaram se surpreendendo com o sabor de um biscoito nutritivo e feito com ingredientes regionais.

A coordenadora do curso técnico de Agroindústria e do projeto, Elaine Michielin, explica que a ideia do trabalho foi justamente elaborar um biscoito com produtos produzidos na região. “Xanxerê é a maior produtora de milho do estado e o arroz e a mandioca também são produtos abundantes em Santa Catarina”, conta.

Para tornar o produto mais nutritivo, os pesquisadores adicionaram sete grãos à mistura. O projeto, que começou em agosto, está em fase inicial de teste de várias formulações de biscoito. “Nossa intenção é chegar à melhor formulação do biscoito com esses ingredientes, agregando valor às matérias-primas regionais e oferecendo um alimento funcional e nutritivo”, explica Elaine.

E não foram só os visitantes que gostaram dos biscoitos. A bolsista do projeto, Franciele Paludo, aluna do curso técnico de Agroindústria, está adorando participar da pesquisa. “Sinto diferença no aprendizado, pois cresço como profissional. E é incrível ver que podemos fazer diferença na vida das pessoas por meio de uma alternativa de alimentação”, conta.

Para quem não pode degustar os biscoitos, o jeito é se satisfazer com a foto ao lado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *