Alunas do Mulheres Mil fazem ginástica e aprendem sobre empreendedorismo em Joinville

No sábado, dia 20, cerca de cem alunas do programa Mulheres Mil foram ao Campus Joinville e para passar uma manhã diferente. Recebidas pelos coordenadores do programa Salete Schimidt e Márcio Bess, as alunas realizaram uma aula de ginástica na quadra do campus e, em seguida, assistiram a uma palestra especial sobre alternativas de desenvolvimento comunitário por meio do reaproveitamento de materiais e da aplicação prática da criatividade – a chamada “Economia Criativa”.

Segundo a coordera do programa, um dos objetivos do Mulheres Mil é trabalhar a auto-estima das participantes e as aulas de ginástica são um estímulo para que isso aconteça. “A proposta é mostrar exercício simples que possibilitem a elas se sentirem bem no seu cotidiano”, explica Salete.

Para as aulas, a proposta foi alcançada. “Os exercícios foram sufientes para a gente cansar. Agora temos que ter iniciativa e continuar a ginástica por conta própria”, diz Cíntia de Souza, de 28, que trabalha como autônoma em Joinville.

Após a ginástica, as integrantes do Mulheres Mil participaram de uma palestra sobre empreendedorismo promovida pela Associação de Mulheres de Negócios e Profissionais de Joinville (BPW Joinville). A palestrante, Helga Tytlik, explicou o conceito da Economia Criativa e mostrou exemplos de como as mulheres podem se organizar para melhorar suas condições de vida e de renda.

Segundo Helga, a Economia Criativa baseia-se no tripé composto por conhecimento, criatividade e capital intelectual. “Pode ser qualquer conhecimento, inclusive o cotidiano. A criatividade está presente na capacidade de fazer algo diferente do comum. E o capital intelectual é, na verdade, a união dos conhecimentos de cada uma das mulheres que se unem”, explica.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *