Alunas do Câmpus Gaspar expõem produtos em Feira de Economia Solidária

feira_economiasolidaria_gasparA Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT) do Câmpus Gaspar contou com uma Feira de Economia Solidária nesta quarta-feira(23). Durante toda tarde, alunas do programa Mulheres Mil puderam mostrar produtos que aprenderam a fazer no IFSC e ainda ganhar uma renda extra.

A economia Solidária é um conjunto de atividades econômicas de produção, distribuição, consumo, poupança e crédito, organizadas sob a forma de autogestão. O conceito casa bem com a proposta do programa Mulheres Mil, que busca a inclusão social, por meio da oferta de formação focada na autonomia e na criação de alternativas para a inserção no mundo do trabalho, para que mulheres em vulnerabilidade social consigam melhorar a qualidade de suas vidas e das de suas comunidades.

anelita_snct_gasparE oportunidade foi o que dona Anelita Pereira de Carvalho encontrou no IFSC. Aos 63 anos, a alegre senhora nunca imaginou que poderia aprender tanto com essa idade. “Estou na melhor fase da minha vida graças ao IFSC”, destaca.

Dona Anelita trabalhou por muitos anos como costureira, mas problemas de saúde estavam dificultando seu trabalho. Após uma enchente, ao colocar a máquina de costura na calçada para secar, foi roubada e se viu sem alternativa. “Eu precisava encontrar algo para fazer da minha vida já que ainda não consigo me aposentar”, conta.

Enquanto estudava num programa de Educação para Jovens e Adultos em uma escola da região, ficou sabendo do curso que o Câmpus Gaspar iria ofertar pelo programa Mulheres Mil e se interessou. Por meio do curso de reciclador, dona Anelita aprendeu a fazer diversas peças de artesanato reaproveitando material, como puff de garrafa pet e potes feitos com filtro de café.

Essas e outras peças foram expostas no estande de dona Anelita durante a Feira de Economia Solidária do Câmpus Gaspar. Mais do que ganhar uma renda extra com os produtos, dona Anelita encontrou no IFSC motivos para ser feliz. “Tudo aqui é muito bom! Os professores são ótimos, fazemos novas amizades e recebemos um aprendizado para toda vida”, ressalta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *