Alunos do Câmpus Criciúma apresentam resultados de pesquisas realizadas nas aulas de Química

Durante o 2º Simpósio de Integração Científica e Tecnológica do Sul Catarinense (2º Sict-Sul), alunos do curso técnico integrado de Edificações do Câmpus Criciúma tiveram a oportunidade de apresentar os resultados de suas pesquisas realizadas nas aulas de Química para alunos e professores de outras instituições. Os dois trabalhos citados abaixo foram apresentados em formato de pôster.

SONY DSCUma delas foi o “Estudo da viabilidade de uso de indicador natural de rabanete em titulação ácido-base”, apresentada pela aluna Julia Marcondes Borges. Juntamente com outros alunos e sob a coordenação do professor Lucas Dominguini, Julia constatou que a casca do rabanete submersa em álcool por sete dias forma uma solução que se mostrou eficiente na titulação ácido-base, principalmente em substâncias com ph entre 4 e 9. “É uma solução natural e mais barata que a solução padrão”, explica Julia. Além da casca de rabanete, os alunos fizeram testes com outras substâncias, como a pera, o chá preto e a berinjela, mas nenhum obteve resultados tão positivos quanto o rabanete.

SONY DSCJá a aluna Caroline Felizardo apresentou o resultado da pesquisa “Tratamento de solução aquosa contendo azul de metileno com fibra de bananeira: estudos de parâmetros de adsorção”, também sob orientação do professor Lucas. De acordo com a pesquisa, a fibra de bananeira é altamente adsorvente, ou seja, ela retém a penetração de gases ou líquidos. “Se ela adsorve o azul de metileno, que é um corante super forte, com certeza irá ter o mesmo efeito com outros corantes mais fracos, utilizados na indústria têxtil, por exemplo”, explica Caroline.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *