Oficina resgata uso de plantas medicinais e condimentares

Uma das oficinas que fizeram parte da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT) do Campus São Miguel do Oeste foi a Oficina de Plantas Medicinais, ministrada pela professora Keli Cristina Fabiane na terça-feira, dia 30. Com a participação de aproximadamente 50 pessoas ao longo dia, o objetivo da atividade foi resgatar o uso de plantas medicinais (como boldo e losna) e condimentares (como hortelã), uma prática comum principalmente na época em que havia menos farmácias e supermercados à disposição da população.

Segundo a professora Keli, o estímulo ao uso plantas medicinais não tem por objetivo substituir os remédios tradicionais. “Elas são uma alternativa mais saudável e que pode, inclusive, auxiliar em tratamentos que utilizem o fármaco”, explica.

Porém, é preciso conhecer a planta medicinal para fazer uso correto de sua essência. “Muita gente acha que planta medicinal é sinônimo de chá, mas existem plantas que devem ter uso tópico [passar na pele]. Além disso, a extração da essência da planta precisa ser feita da forma correta. A essência do boldo, por exemplo, deve ser extraída a frio, pois a extração a quente aumenta a chance de extrairmos substâncias tóxicas”, conta a professora.

Entre as plantas apresentadas aos participantes da oficina estiveram hortelã, poejo, losna, alcaxofra, catinga-de-mulata, entre outras. A oficina faz parte do projeto “Capacitação para utilização de palntas medicinais e condimentares e implantação de hortas medicinais em comunidades rurais” e pretende levar o conhecimento sobre as plantas a diversas comunidades em São Miguel do Oeste e municípios vizinhos.

Campus São Miguel do Oeste mostra trabalhos desenvolvidos por alunos

O Campus de São Miguel do Oeste do IF-SC também participou da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia neste ano. Ações pedagógicas e científicas desenvolvidas pelos alunos do campus foram expostas para a comunidade. Entre os trabalhos que foram apresentados estão o experimento global para o ano internacional da química: pH do planeta, PROEJA-FIC e o espaço geográfico rural: algumas percepções a cerca de duas comunidades em São Miguel do Oeste; A prática dos socorros urgentes em agroindústrias do extremo oeste catarinense; entre outros.


Continuar lendo

Programação da SNCT no Campus São Miguel do Oeste

Dia 18/10 (terça-feira)

Todas as atividades ocorrem em dois períodos: das 13h15 às 17h15 e das 18h30 às 22h30

Exposição de banners:

– Experimento global para o Ano Internacional da Química: pH do planeta;

– Enchentes e deslizamentos: riscos da urbanização;

– O Dia do Desafio e a pista de orientação do IF-SC Campus São Miguel do Oeste;

– Proeja-FIC e o espaço geográfico rural: algumas percepções acerca de duas comunidades em São Miguel do Oeste-SC;

– O técnico em Agroindústria e a metodologia de um DDS (Diálogo Diário de Segurança): uma preparação para o mundo do trabalho;

– A prática dos socorros urgentes em agroindústrias do Extremo Oeste Catarinense;

– Aproveitamento de frutas para industrialização no fomento da agroindústria no Extremo Oeste Catarinense;

– Cuidados com a água em propriedades rurais do município de São Miguel do Oeste;

– Pequena propriedade sustentável;

– Planejar para urbanizar.

Apresentação de maquetes:

– Planejar para urbanizar;

– Enchentes e deslizamentos: riscos da urbanização;

– Pequena propriedade sustentável.

Outras atividades:

– Sala temática no Laboratório de Microbiologia;

– Jogo: “Salvando o planeta”;

– Trilha interpretativa;

– Pista de orientação;

– Oficinas IFSCiência.